6074_b_s2_indsat_970x250 (1).jpg
  • INDSAT

Iluminação em Mairiporã tem quase 70% de aprovação

Com rejeição de apenas 7,9%, a Iluminação Pública alcançou Alto Grau de Satisfação


ABRIL de 2021 - CIDADE DE MÉDIO PORTE

Aprovação ao setor é alto em quase toda a cidade / Foto: Divulgação Redes Sociais

A Iluminação Pública de Mairiporã alcançou na segunda semana de abril 67,1% de ótimo e bom e apenas 7,9% de ruim e péssimo. Os regulares representaram 25% dos moradores locais. O estudo realizado pela INDSAT com 400 moradores locais maiores de 16 anos deu à cidade 733 pontos no ranking e a classificação de Alto Grau de Satisfação.

O resultado faz parte dos levantamentos realizados pela INDSAT em diversas cidades do Estado desde outubro de 2016. Hoje as cidades paulistas estão agrupadas em três grupos distintos: Cidades de Pequeno Porte (CPP) com até 100 mil habitantes, Cidades de Médio Porte (CMP) entre 100 mil e 400 mil habitantes e Cidades de Grande Porte (CGP) com mais de 400 mil habitantes.

Para classificação do número de habitantes de um município, a INDSAT utiliza como fonte de dados as projeções populacionais do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e da Fundação Seade. Para 2021, a previsão é de que Mairiporã alcance 100.034 habitantes, portanto, município integrante das Cidades de Médio Porte (CMP).

Para a realização deste trabalho, cuja a margem de erro é de 4,8% sob um intervalo de confiança de 95%, a cidade de Mairiporã foi dividida em 8 setores conforme pode ser observado no mapas abaixo:

Os bairros com os maiores índices de aprovação estão localizados no Setor 1 (Centro, Vila Nova, Parque do Moinho, Jardim Carpi e adjacências) onde os níveis de ótimo e bom alcançaram 73% dos moradores locais. No setor 7 (Santo Antônio, Bariloche, Morada do Sol, Oásis Paulistas e entre outros), a aprovação chegou a 72% e se posicionou como a segunda melhor região da cidade em Iluminação Pública. Os maiores índices de rejeição ao serviço foram observados nos setores 5 (Recanto do Lago, Cerros de Mairiporã, Glebas 1 e 2 e demais), com 32% de rejeição e 3 (Tapera Grande, Saboó, Capim Branco, Pirucaia e entre outros), com 21%.



INDSAT

A INDSAT mede a satisfação de 16 serviços públicos, além da atuação dos governos municipal, estadual e federal. A partir dos critérios de “ótimo, bom, regular, ruim e péssimo”, obtém-se uma classificação que qualifica o município o conforme o grau de satisfação do serviço estudado, conforme a seguinte escala:

INDSAT abaixo de 350 pontos = Baixíssimo Grau de Satisfação

INDSAT entre 350 e 499 pontos = Baixo Grau de Satisfação.

INDSAT entre 500 e 649 pontos = Grau Médio de Satisfação.

INDSAT entre 650 e 799 pontos = Alto Grau de Satisfação.

INDSAT a partir de 800 pontos = Grau de Excelência.




Recentes