2 - Indsat-970x250.jpg
  • INDSAT

Asfalto de Ribeirão Preto está próximo do Baixíssimo Grau de Satisfação

1º trimestre/2020

Foto: Divulgação

A Qualidade do Asfalto da cidade de Ribeirão Preto está a apenas quatro pontos de ser classificada com Baixíssimo Grau de Satisfação. Neste 1º trimestre de 2020, a área recebeu 353 pontos. A pior classificação atribuída pela INDSAT é concedida aos setores que registram índice inferior a 350 pontos.

O Baixo Grau de Satisfação, por sua vez, se refere aos segmentos que conseguem de 350 a 499 pontos. A classificação baixa foi apresentada no último trimestre de 2019, quando o setor conseguiu 368 pontos, um dos melhores índices de satisfação registrados pela Qualidade do Asfalto.

No geral, a pavimentação de Ribeirão Preto recebe os menores índices de satisfação desde o início de 2017, quando o setor apresentou Baixíssimo Grau durante a maior parte do ano.

Em 2018, o segmento chegou a conquistar 378 pontos. No 2º trimestre de 2019, o Asfalto apresentou seu pior índice de satisfação: 258 pontos. Além disso, o setor nunca ultrapassou 400 pontos, mesmo nos levantamentos em que recebeu Baixo Grau.

Em matéria publicada pelo G1 no mês de novembro de 2019, moradores de Ribeirão Preto apontaram problemas na pavimentação de ruas e avenidas da cidade. Segundo os entrevistados, as fragilidades do asfalto resultam em acidentes de trânsito.

Índice de satisfação</