Indaiatuba é a primeira da RMC a atingir Grau de Excelência em Qualidade de Vida

14/10/2019

3º trimestre/2019

 

 Foto: Divulgação/ Prefeitura de Indaiatuba

 

Dados levantados no 3º trimestre de 2019 pela INDSAT apontaram que Indaiatuba se destaca em Qualidade de Vida. A cidade é a primeira da Região Metropolitana de Campinas a conquistar Grau de Excelência no segmento. Com 801 pontos, Indaiatuba recebeu a classificação máxima atribuída pela INDSAT e está na liderança do ranking geral da RMC.

 

A partir da análise do segmento, a INDSAT busca compreender a percepção dos moradores em relação à vida na cidade. A Qualidade de Vida também pode ser relacionada com outros setores também analisados pelo instituto, como Segurança Pública, Educação, Cultura e Saúde, por exemplo. Ao todo, 16 áreas são analisadas no município.

 

Nos levantamentos anteriores, Indaiatuba foi contemplada com Alto Grau de Satisfação em Qualidade de Vida. Em 2017, por exemplo, os índices ficaram entre 726 e 789 pontos. Já no ano passado, a Qualidade de Vida registrou pontuações entre 769 e 781 pontos. 

 

 

O Alto Grau de Satisfação é atribuído aos segmentos que apresentam índices entre 650 e 799 pontos. Já o Grau de Excelência se refere aos setores que conquistam nota superior a 800 pontos. A escala de pontuação geral da INDSAT vai de 200 a 1.000 pontos.

 

O índice de satisfação é calculado a partir de uma metodologia exclusiva de classificação baseada nos critérios de “ótimo”, “bom”, “regular”, “ruim” e “péssimo”. São entrevistados 400 moradores em Indaiatuba. As 15 maiores cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC) fazem parte da cobertura trimestral da INDSAT.

 

Em Indaiatuba, a Qualidade de Vida foi classificada como “ótima” ou “boa” por 79% dos moradores. Avaliações “regulares” somam 15%. A reprovação é de 6%.

 

 

A INDSAT também analisa o perfil dos entrevistados a partir da escolaridade e faixa etária. Os estudos apontam que pessoas de 16 a 30 anos de idade e moradores com Ensino Fundamental são os mais satisfeitos com a Qualidade de Vida em Indaiatuba. 

 

Além de analisar os índices de satisfação com os serviços públicos, a INDSAT já começou a divulgar os primeiros resultados da corrida para as Eleições Municipais de 2020. Até outubro do ano que vem, o instituto vai promover o interesse e o debate pelo tema.

 

Trinta e seis cidades fazem parte da cobertura do instituto, sendo as 15 maiores cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC), as 10 maiores cidades do Estado de São Paulo e 12 municípios do Aglomerado Urbano Piracicaba. 

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Em destaque

Educação Pública de Campinas tem Baixo Grau de Satisfação

12/11/2019

1/10
Please reload

Recentes
Please reload

Arquivo