Limpeza Pública de Cosmópolis tem Baixo Grau de Satisfação

30/07/2019

2º trimestre/2019

 

 Foto: Divulgação

 

 

A Limpeza Pública de Cosmópolis foi classificada com Baixo Grau de Satisfação neste 2º trimestre de 2019. O levantamento realizado pela INDSAT mostrou que o serviço de responsabilidade da Consab Ambiental registrou 483 pontos em uma escala que vai de 200 a 1.000 pontos.

 

Esta não é a primeira vez que o serviço recebe Baixo Grau. No 1º trimestre de 2018, a Limpeza Pública havia obtido 498 pontos. No levantamento anterior, o grau de satisfação era considerado alto. Em menos de três meses, o índice caiu em 153 pontos.

 

O segmento começou a fazer parte das pesquisas da INDSAT no 2º trimestre de 2017. Nos dois primeiros levantamentos realizados em Cosmópolis, a Limpeza Pública foi classificada com Grau Médio de Satisfação. Após a satisfação apresentar oscilação, a Limpeza voltou a receber índices medianos nos trimestres seguintes. Atualmente, a pontuação é a menor já registrada.

 

 

Reprovação

 

O índice de satisfação é calculado a partir de uma metodologia exclusiva de classificação baseado nos critérios avaliativos de “ótimo”, “bom”, “regular”, “ruim” e “péssimo”. São entrevistados 400 moradores no município.

 

Do total, 54% dos moradores reprovam a Limpeza Pública da cidade. Outros 20% responderam que o serviço prestado está regular. “Ótimo” e “bom” somam 26%.

 

 

A pesquisa mostra que mais da metade dos moradores estão insatisfeitos com o serviço de Limpeza Pública. A reprovação é maior entre pessoas de 16 a 30 anos de idade e moradores com Ensino Médio. O segmento é o 4º pior setor avaliado em Cosmópolis.

 

Além de acompanhar os resultados trimestrais de satisfação com os serviços públicos nas cidades, a INDSAT também acompanha a movimentação política dos pré-candidatos às Eleições Municipais de 2020 em 36 municípios que fazem parte da cobertura do instituto.



 

 

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Em destaque

Transporte Público de Campinas tem 24% de ótimo e bom; ruim e péssimo somam 48%

10/12/2019

1/10
Please reload

Recentes
Please reload

Arquivo