Coleta de Lixo de Hortolândia se aproxima do Grau de Excelência

Maior classificação atribuída pela INDSAT requer ao menos 800 pontos no índice de satisfação

2º trimestre/2019

Foto: Divulgação

Hortolândia tem exatos 799 pontos em Coleta de Lixo. Por isso, o serviço está a um ponto de conquistar Grau de Excelência, a maior classificação atribuída pela INDSAT. Os dados são referentes à pesquisa realizada no 2º trimestre de 2019. Neste levantamento, o serviço prestado pela MB Engenharia conseguiu Alto Grau de Satisfação.

A pesquisa mostra que pessoas com mais de 50 anos de idade e moradores que possuem Ensino Médio são as mais satisfeitas com a Coleta de Lixo de Hortolândia. Ao todo, 400 pessoas participam da entrevista. Além da Coleta, a INDSAT analisa outros 16 setores.

Satisfação com a Coleta cresce

Os resultados mostram que a Coleta de Lixo recebe índices satisfatórios desde 2017, chegando a ser contemplada com Grau de Excelência em dois levantamentos. Os maiores índices de satisfação foram apresentados no início de 2018, quando o melhor resultado foi de 807 pontos.

No final de 2018 e início de 2019, a Coleta de Lixo chegou a se aproximar dos 800 pontos. No entanto, o serviço está há mais de um ano sem receber Excelência em satisfação.

Atualmente, Hortolândia ocupa a 6ª posição do ranking geral do segmento, composto pelas 15 maiores cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC).

Aprovação

O índice é calculado a partir de uma metodologia exclusiva de classificação baseado em critérios avaliativos. Em Hortolândia, a Coleta recebeu 89% de “ótimo” e “bom”, 9% de “regular” e 2% de “ruim” e “péssimo”.

Os dados do 2º trimestre de 2019 começaram a ser divulgados pela INDSAT no último dia 15. Ao todo, 36 cidades do Estado de São Paulo fazem parte da cobertura trimestral do instituto.

Em destaque
Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Instagram ícone social
  • LinkedIn Social Icon

Indicadores de Satisfação dos Serviços Públicos

© 2017 "Indsat - Indicadores de Satisfação dos Serviços Públicos"