Wagão lidera corrida eleitoral em Leme; Paulinho Valença vem em segundo

29/01/2019

4ºTrimestre/2018

O atual prefeito Wagão (PSD) inicia a corrida em Leme para as Eleições 2020 com 26% das intenções de voto. O administrador Paulinho Valença (PRB) aparece na 2ª posição, com 18%. A pesquisa foi realizada pela INDSAT entre os dias 27 e 28 de dezembro de 2018, com 400 moradores de Leme maiores de 16 anos.

 

O jornalista Gildinho (PATRIOTA) é o 3º colocado, com 15% das intenções de voto. Já o atual vice-prefeito de Leme, Chico da Fármacia (PSD) aparece com 12%, na quarta colocação.


Duzão (DEM) foi apontado como o candidato escolhido por 6% dos eleitores. O ex-vereador havia ficado em 1º lugar nas Eleições de 2016 em Leme, mas o resultado não foi homologado porque o atual prefeito Wagão (PSD) estava com sua candidatura indeferida com recurso na época. Após decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o registro de Wagão foi deferido.

 

O advogado Gu Zanobia (PRB) e Paulo Blascke (PT) tem respectivamente 4% e 2% das intenções de voto.

 

Do total de entrevistados, 9% disseram que votariam branco ou nulo diante do possível cenário de candidatos. Outros 8% estão indecisos.

A menos de dois anos das Eleições 2020, a INDSAT começou a divulgação das pesquisas político-eleitorais em 36 cidades que acompanha trimestralmente.

 

Rejeição

 

O petista Paulo Blascke é o mais rejeitado em Leme. O político tem 48% de rejeição. Wagão é o 2º mais rejeitado, com 13%. A 3ª maior rejeição é de Duzão, com 10%.

 

A lista de rejeição se fecha com Gildinho (5%), Gu Zanobia (4%), Valença (3%) e Chico (2%). Quinze por cento dos entrevistados disseram não ter rejeição por nenhum dos possíveis candidatos.

 

A margem de erro da pesquisa é de 4,8% sob um intervalo de confiança de 95%.

 

 

Foto: divulgação

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Em destaque

Qualidade de Vida tem Alto Grau de Satisfação em Itatiba

27/01/2020

1/10
Please reload

Recentes
Please reload

Arquivo