Dixon deixa o governo com 69% de ruim e péssimo

14/11/2018

3ºTrimestre/2018

Não é novidade que Paulínia vem enfrentando uma longa e delicada instabilidade administrativa no município. Em seis anos, a cidade presenciou 11 trocas de prefeitos. Os gestores municipais foram alvos da Lei da Ficha Limpa e de outras liminares que suspenderam ou cassaram o exercício do cargo. Desta vez, prefeito Dixon Carvalho (PP) e seu vice, Sandro Caprino (PRB), foram cassados no último dia 7 após ter recursos negados pela Justiça Eleitoral referentes a campanha de 2016.

 

Nesta semana, o presidente da Câmara Du Cazellato (PSDB) assumiu a prefeitura e já iniciou o mandato realizando cortes de 250 comissionados e exonerações de 14 secretários. Segundo ele, os cortes são para readequar a folha de pagamentos que ultrapassa o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal. Du Cazellato deve permanecer no cargo por 90 dias, até que eleições diretas sejam convocadas em Paulínia.

 

Com a instabilidade no Poder Executivo, a INDSAT analisou os índices de satisfação de 16 serviços públicos ao longo do mandato de Dixon Carvalho. Os dados são referentes ao ano de 2017 e parte de 2018.

 

A INDSAT possui uma metodologia exclusiva de classificação baseada nos critérios de “ótimo”, “bom”, “regular”, “ruim” e “péssimo” para calcular o índice de satisfação dos serviços públicos. Os levantamentos mostram que, apesar de a Administração Pública ter sido avaliada como “péssima” pela maioria dos moradores, outros segmentos encontram-se balanceados.

 

Satisfação com a gestão pública de Paulínia é considerada baixa

 

A Administração Pública Municipal recebe Baixo Grau de Satisfação desde o 2º trimestre do ano passado. Isso significa que a gestão registra índices entre 350 e 499 pontos desde a primeira metade de 2017.

 

Logo na época da posse de Dixon Carvalho, em janeiro de 2017, a pesquisa referente ao 1º trimestre do ano mostrou que a gestão pública havia conseguido pontuação suficiente para se encaixar no Grau Médio de Satisfação. O resultado mediano, porém, não durou por muito tempo: a partir do levantamento seguinte, a Administração passou a receber pontuação inferior a 500 pontos.

Do total de entrevistados, apenas 10% avaliaram a Administração como “ótima” ou “boa”, enquanto 21% disseram que é “regular”. “Ruim” e “péssimo” somam 69%.

Educação e Merenda têm Grau Médio de Satisfação

 

A Educação Pública Municipal é um dos segmentos que apresentam estabilidade em 2018, apesar de ter registrado quedas significativas em comparação aos levantamentos realizados no ano passado.

 

Em 2017, os índices da Educação oscilaram entre 605 e 626 pontos, sempre com Grau Médio de Satisfação. Logo no 1º trimestre de 2018, o setor registrou 614 pontos e, a partir de então, passou por duas quedas. No 2º trimestre, o índice foi de 587 pontos. Agora, a área educacional conseguiu 570 pontos.

A Merenda Escolar acompanhou o segmento de Educação. A alimentação escolar apresentou várias evoluções em 2017 até iniciar 2018 com 647 pontos. Nos levantamentos seguintes, contudo, a satisfação com a Merenda caiu duas vezes seguidas.

Trânsito tem Baixo Grau de Satisfação

 

O índice de satisfação com o Trânsito da cidade oscilou entre 498 pontos e 526 pontos durante o ano de 2017, chegando até mesmo ao Grau Médio de Satisfação. No entanto, o setor está entre os dois únicos segmentos que receberam Baixo Grau de Satisfação.

 

O tráfego urbano registrou 446 pontos no 1º trimestre deste ano, 451 pontos no 2º trimestre e 470 pontos no 3º trimestre.

Qualidade de Vida está a um ponto do Alto Grau; Segurança apresenta melhora

 

As quedas apresentadas na área da Educação e do Trânsito refletem o insatisfação em decorrência da instabilidade política de Paulínia. Outros resultados, porém, mostram que nem tudo está perdido. A Qualidade de Vida, por exemplo, recebeu 649 pontos no levantamento atual e está a apenas um ponto do Alto Grau de Satisfação.

 

O segmento procura entender como está a percepção dos moradores em relação ao bem-estar geral do município. Neste 3º trimestre, 39% dos entrevistados julgaram a Qualidade de Vida como “ótima” ou “boa”.

 

Com variações entre 569 e 625 pontos, a Qualidade de Vida conquistou Grau Médio de Satisfação durante todo o ano passado. Logo no 2º trimestre deste ano, o setor atingiu Alto Grau por receber 658 pontos.

A percepção da Segurança Pública em Paulínia também vem apresentando melhora. Apesar de sempre ter se encaixado no Grau Médio de Satisfação, o setor saiu da casa dos 500 pontos e atingiu 637 pontos já neste ano. Agora, a Segurança tem 621 pontos.

 

A Segurança, que também pode ser relacionada a Qualidade de Vida, também está diretamente ligada a setores como Iluminação Pública, Geração de Empregos e Guarda Municipal. Cada um desses segmentos são avaliados trimestralmente pela INDSAT.

Coleta, Limpeza e Asfalto mostram evolução

 

Coleta de Lixo, Limpeza Pública e Qualidade do Asfalto também apresentaram crescimento em 2018 em relação ao ano passado. A Coleta, que chegou a receber Baixo Grau de Satisfação no início do ano passado, tem hoje 748 pontos. A Limpeza também está próxima ao Alto Grau de Satisfação, com 641 pontos. Já a Qualidade do Asfalto conseguiu Grau Médio de Satisfação e deixou o Baixo Grau obtido em grande parte de 2017.

 

Demais serviços públicos apresentam estabilidade

 

Outros segmentos demonstram equilíbrio nos índices. Saúde Pública, por exemplo, recebeu 556 pontos e Grau Médio de Satisfação. A Guarda Municipal fechou o 3º trimestre com 503 pontos. Já a área da Cultura somou 573 pontos.

 

Ao todo, a INDSAT analisa os índices de satisfação de outros 16 serviços públicos. Além de Paulínia, outras 14 maiores cidades da RMC (Região Metropolitana de Campinas) fazem parte da cobertura trimestral do instituto. Também são analisadas as 10 maiores cidades do Estado de São Paulo e 12 municípios pertencentes ao Aglomerado Urbano Piracicaba.

 

 

 

 

Foto: Reprodução (Facebook)

 

 

 

 

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Em destaque

Leme tem Grau de Excelência em Coleta de Lixo

21/02/2020

1/10
Please reload

Recentes
Please reload

Arquivo