Cultura tem 57% de ótimo e bom em Jaguariúna

17/10/2018

3ºTrimestre/2018

Satisfação com o segmento tem queda, mas apresenta Alto grau

Jaguariúna fechou o 3º trimestre do ano com 57% de ótimo e bom, 32% de regular e 11% de ruim e péssimo na área cultural. O resultado mostra que, apesar da estabilidade em relação aos últimos levantamentos, mais da metade dos entrevistados estão satisfeitos com a Cultura da cidade.

O levantamento mostrou que o índice de satisfação é maior entre moradores com mais de 50 anos de idade. Quando levada em conta a escolaridade dos entrevistados, jaguariuneses com Ensino Superior são os mais satisfeitos.

Em Jaguariúna, é comum encontrar segmentos com Alto Grau de Satisfação. Na área cultural não é diferente: mesmo com bom índice, o setor é apenas o 8º melhor avaliado. Ao todo, os moradores avaliam 16 serviços públicos a cada três meses.

 

Os recentes avanços na área cultural de Jaguariúna mantiveram a satisfação estável. O Museu Ferroviário “Deusdolar Ferreira Gomes”, localizado no Centro Cultural, foi reaberto no mês passado. O espaço também recebe a orquestra municipal e festival de bandas. Em julho, a 13ª edição do Encontro dos Amigos do Carro Antigo reuniu 8 mil pessoas no local.

 

Apesar de queda, grau de satisfação ainda é alto

 

Para calcular o grau de satisfação com os serviços públicos, a INDSAT possui uma metodologia exclusiva de classificação baseada nos critérios de “ótimo”, “bom”, “regular”, “ruim” e “péssimo”.

 

A partir dos dados registrados em Jaguariúna, o instituto de pesquisas apontou que o índice de satisfação com a Cultura no município é de 689 pontos. Esse é o menor índice registrado de toda a série histórica da INDSAT. O número, porém, está dentro da classificação de Alto Grau de Satisfação.

 

Durante todo o ano passado, o índice de satisfação pouco variou: os números oscilaram entre 702 pontos e 724 pontos. Logo no início deste ano, a Cultura chegou a registrar 727 pontos. No levantamento seguinte, porém, o setor registrou uma queda de 21 pontos. O índice continuou a cair no 2º trimestre deste ano para o atual.

 

O Alto Grau de Satisfação é atribuído os segmentos que registram entre 650 pontos e 799 pontos. Ao atingir 800 pontos, o setor é classificado com Grau de Excelência.

A INDSAT entrevista 400 moradores em cada uma das 15 maiores cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC). O instituto também analisa a satisfação com os serviços públicos nas 10 maiores cidades do Estado de São Paulo e em 12 cidades pertencentes ao Aglomerado Urbano Piracicaba.

 

 

 

 

 

Foto: Prefeitura de Jaguariúna

 

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Em destaque

Qualidade de Vida de Valinhos se aproxima do Alto Grau de Satisfação

03/04/2020

1/10
Please reload

Recentes
Please reload

Arquivo