Iluminação tem 73% de ótimo e bom em Cosmópolis

28/09/2018

2ºTrimestre/2018

Dados do 2º trimestre deste ano apontaram que a Iluminação Pública de Cosmópolis recebeu 73% de ótimo e bom. A pesquisa realizada pela INDSAT mostrou que as avaliações “regulares” fecharam em 18%, enquanto a reprovação foi de 9%.

O serviço de responsabilidade da Consab Ambiental foi aprovado principalmente por moradores que têm mais de 50 anos de idade. Quando analisada apenas a escolaridade dos entrevistados, a satisfação é maior entre pessoas com Ensino Fundamental.

Ao todo, a INDSAT ouviu 400 moradores em Cosmópolis. A Iluminação Pública se manteve como o 3º melhor serviço avaliado do município. Ao todo, 16 setores públicos são analisados trimestralmente pelo instituto de pesquisas.

 

Setor sempre recebeu Alto Grau de Satisfação

 

Para calcular o grau de satisfação com os serviços públicos, a INDSAT possui uma metodologia exclusiva de avaliação baseada nos critérios de “ótimo”, “bom”, “regular”, “ruim” e “péssimo”.

 

A partir das avaliações obtidas, o instituto constatou que a Iluminação Pública de Cosmópolis recebeu 729 pontos e Alto Grau de Satisfação. Em relação aos trimestres anteriores, o índice de satisfação pouco variou. Ao analisar toda a série histórica da INDSAT, a maior pontuação foi registrada no 1º trimestre deste ano: 732 pontos. Já o menor índice, de 699 pontos, foi obtido no 2º trimestre de 2017.

 

O Alto Grau de Satisfação é atribuído aos setores que conquistam entre 650 e 799 pontos. Ao atingir 800 pontos, o segmento recebe Grau de Excelência.

 

 

 

Foto: Acervo Cosmopolense (divulgação)

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Em destaque

Abastecimento de Água é o 2º melhor serviço avaliado em Limeira

30/06/2020

1/10
Please reload

Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Instagram ícone social
  • LinkedIn Social Icon

Indicadores de Satisfação dos Serviços Públicos

© 2017 "Indsat - Indicadores de Satisfação dos Serviços Públicos"