1 - 6587_c_Vestibulinho_Portais_970x250_Portal_Indsat.jpg
  • INDSAT

Metade das 10 maiores de SP tem Alto Grau de Satisfação em Limpeza Pública

Metade dos municípios analisados receberam mais de 650 pontos

Foto: Urbam

Cinco das 10 maiores cidades do Estado de São Paulo conseguiram Alto Grau de Satisfação no segmento de Limpeza Pública. Essa classificação é dada aos municípios que registraram 650 pontos ou mais pela metodologia Indsat. A pesquisa foi realizada no último trimestre do ano passado.

São José dos Campos foi a única cidade que recebeu mais de 700 pontos. O município se mantém na liderança desde a primeira vez que o segmento de Limpeza Pública apareceu nas pesquisas da Indsat, no 2º trimestre de 2017. O serviço realizado pela Urbam (Urbanizadora Municipal) registrou 63% de “ótimo” e “bom”.

Na 2ª colocação aparece Mauá, com 698 pontos. O serviço realizado pela Lara Central de Tratamento de Resíduos já havia colocado a cidade na vice-liderança no 2º levantamento do ano, período em que Mauá conquistou 43% de aprovação no último trimestre de 2017. Campinas aparece logo em seguida, com 682 pontos. A Limpeza Pública da 3ª colocada é de responsabilidade da Renova.

Santo André e Osasco foram as últimas cidades a receber Alto Grau de Satisfação. Enquanto Santo André subiu duas posições no ranking, Sorocaba ganhou três colocações. No fechamento do ano passado, 56% dos entrevistados avaliaram o serviço realizado pela Semasa de forma positiva, enquanto o serviço realizado pela Corpus em Osasco é aprovado por 49% dos dos moradores locais.

Demais cidades têm Grau Médio de Satisfação

Sorocaba caiu duas posições no ranking geral. A cidade, que já chegou a ser a 3ª colocada no início do ano, fechou 2017 na 6ª posição. Vinte e um por cento dos sorocabanos entrevistados reprovaram a Limpeza Pública do município. São Bernardo do Campo registrou um ponto a menos que Sorocaba e encerrou o ano na 7ª colocação.

Ribeirão Preto e Guarulhos fecharam na 8ª e 9ª colocação, respectivamente. A última posição do ranking é ocupada por São Paulo. A cidade paulistana fechou o último trimestre do ano com 31% de reprovação em Limpeza Pública.

Recentes