Asfalto de Artur Nogueira cai 3 posições no ranking da RMC

21/01/2018

Satisfação com o asfalto cresceu no 3º trimestre, mas fechou o ano com menos de 40% de aprovação

  

Artur Nogueira sofreu uma queda de três posições no ranking de Qualidade do Asfalto. Após atingir Alto Grau de Satisfação e ocupar a liderança no levantamento anterior, a pavimentação da cidade recebeu apenas 35% de “ótimo” e “bom” no final do ano. A pesquisa foi realizada pela Indsat no último trimestre de 2017.

 

A cidade estava na liderança do ranking no 3º trimestre e trocou de posição com Jaguariúna, que conseguiu Alto Grau de Satisfação. Indaiatuba e Nova Odessa permaneceram nas 2ª e 3ª posições, respectivamente. Itatiba é a 5ª colocada, com 544 pontos.

 

 

 

Aprovação é menor que 40%

 

Do total de entrevistados, 38% responderam que o asfalto está “regular” e 27% disseram que está “ruim” ou “péssimo”. A Qualidade do Asfalto é considerado o terceiro pior serviço de Artur Nogueira, à frente apenas de Saúde e Geração de Empregos.

 

Durante a primeira metade de 2017, os índices encontravam-se estabilizados. Nesse período, a pontuação ficou entre 594 e 591 pontos. Só no 2º trimestre, por exemplo, a reprovação do asfalto chegou a 32%. Quando o asfalto atingiu Alto Grau de Satisfação e 50% de avaliação positiva no 3º trimestre, a Prefeitura declarou, por meio da Assessoria de Imprensa, que a cidade recebeu uma verba de R$1,5 milhão para concluir as obras da Av. XV de Novembro.

 

 

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Em destaque

Qualidade de Vida de Valinhos se aproxima do Alto Grau de Satisfação

03/04/2020

1/10
Please reload

Recentes
Please reload

Arquivo